Skip to main content

Alternativas ao Magento

Muita gente que está começando com Magento sente extrema dificuldade em entender seu funcionamento. O que é relativamente normal, já que o Magento é uma plataforma robusta de comércio eletrônico, cheia de recursos, e totalmente configurável, construida sobre a arquitetura Zend Framework, com várias tecnologias e padrões de desenvolvimento.

Isso sem mencionar as pessoas que subestimam o sistema, achando que não passa de um simples CMS, e que com 2 ou 3 cliques já irão desvendar todos as funcionalidades do sistema. Ainda tem outro fator. Você precisa estudar o básico de comércio eletrônico, por favor, senão vai olhar pro Magento como se fosse um quadro exposto num museu, olhando e admirando sua complexidade sem entender o que está vendo.

Bom, mas vamos ao foco de nosso artigo. O Magento não é o único sistema de comércio eletrônico open-source e grátis da internet. Então se você não se adaptou ao Magento, ainda pode tentar a sorte com outros sistemas.

Alguns são mais simples, outros são um pouco ultrapassados, outros serão mais limitados, e assim por diante. O ideal é entender exatamente do que sua empresa precisa, para depois comparar as ferramentas e saber o que funciona melhor pra você.

Claro que não irei citar todas as alternativas existentes, mas uma rápida lista aleatória das mais conhecidas, então vejamos:

osCommerce: Um dos primeiros (se não o primeiro) sistema ecommerce open-source gratuito a se popularizar na internet. Tem muitos cases e a comunidade é grande, o que acaba por disponibilizar muitas respostas e informações, além de muitos módulos. Dizem que um dos grandes problemas é que ele não evoluiu com a internet, ficando ultrapassado e remendado.

www.oscommerce.com

Zen Cart: O Zen Cart foi criado em 2003 como uma derivação do osCommerce. Algumas pessoas descontentes com então atual osCommerce, resolveram alterar sua estrutura de templates, códigos html/css, e incluir algumas funcionalidades como padrão do sistema. Dando origem então ao Zen Cart. Ao meu ver, o grande problema aqui é que temos mais do mesmo, ou seja, basicamente teremos as mesmas vantagens e desvantagens do já citado osCommerce.

www.zen-cart.com

PrestaShop: Um sistema relativamente novo e fácil. Por novo devemos entender como atual, ou seja, bom para os mecanismos de busca, rico visualmente, fácil de administrar e configurar. Também é simples, o que é bom para quem esta começando e não precisa de tantos recursos quanto o Magento oferece. Particularmente se não exsitisse o Magento, eu estaria de olho no PrestaShop.

www.prestashop.com

VirtueMart: Esse não é bem um sistema de ecommerce. Na verdade é o CMS Joomla rodando sob um plugin de comércio eletrônico de nome VirtueMart. Então não espere contar com todos os recursos de uma loja virtual especializada. Mas se suas vendas são baseadas em conteúdo, com foco em artigos e tutoriais, pode ser uma ótima opção, pois tem total integração com Joomla e suas funcionalidades nativas.

www.virtuemart.net

CRE Loaded: Imagine um sistema criado a partir do osCommerce, com objetivo de melhorar sua estrutura e adicionar novos componentes. Sim, você provavelmente lembrou do já citado Zen Cart. Pois o CRE Loaded é a mesma coisa. Porém desenvolvido por outro grupo, e com outros princípios. Mais do mesmo.

www.creloaded.com

Essas são algumas alternativas ao Magento. Claro que se você ficar comparando as ferramentas, vai acabar voltando pro Magento. E se ficar procurando por informações na internet também, vai voltar para o Magento. Mas como eu disse antes, procure ver as suas necessidades quanto a sistema, e depois decida qual ferramenta lhe cai melhor. Afinal, ninguém precisa de uma bazuca pra matar um mosquito.

Leia também o post O que é Magento para ter uma base comparativa com as citadas acima. E leia também O que o Magento Oferece? que mostra uma lista de vantagens da ferramenta.

Sucesso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *